Rações Catarinense
(47) 3275 3006
imagem

Nosso
Blog

ESCOLHA O BRINQUEDO CERTO PARA O SEU CÃO
08/12/15 - categoria: Cães Filhotes
#cães #brinquedos

imagem

Os brinquedos são um verdadeiro desafio para os donos de cães: nenhum brinquedo ou osso dura com seu cachorro. Ele destrói tudo em segundos e acabou a brincadeira.

Brinquedos que você NÃO DEVE dar pro seu cachorro, por motivos de saúde e segurança:

Bichos de pelúcia: os cães podem acabar engolindo a pelúcia, causando uma obstrução intestinal necessitando de cirurgia pra remover.

Ossos de couro: eles fazem mal pra saúde do cachorro por conta das substâncias presentes neles e também porque quando roídos normalmente não são digeridos com facilidade e podem ficar no estômago.

Brinquedos de corda: quando os cães engolem a corda, elas se embolam no intestino do cachorro, causando obstrução intestinal, tendo que ser removidas com cirurgia e podendo até levar à morte do cão.

Peças pequenas: brinquedos com pecinhas pequenas que se soltam ou quebram facilmente são um perigo. O animal pode engolir ou até mesmo pisar nos pedacinhos e acabar machucando-se seriamente.

Esses são os brinquedos mais perigosos. Não significa que você não possa dá-los, mas ofereça sempre quando você estiver perto e controlando seu cachorro. Nunca deixe esses objetos espalhados pela casa enquanto sai, porque em um caso de acidente, você não estará perto para socorrê-lo.

Confira dicas para encontrar um brinquedo seguro para o seu pet!

- Escolha o tamanho correto do brinquedo para seu cão: A maioria dos brinquedos para cães não tem tamanho único. O tamanho do brinquedo deve estar relacionado com o tamanho da mandíbula do seu cão. Se ele não pode ir confortavelmente buscar e prendê-lo em sua mandíbula, as chances do brinquedo ser grande demais são enormes. Se ele pode colocar o brinquedo inteiro na boca, talvez seu cão seja grande demais para um brinquedo tão pequeno.

- Escolha um brinquedo com o material correto: Geralmente, os brinquedos para cães vão direto para a boca deles e são mastigados ou lambidos. É por isso que é tão importante certificar-se de que os brinquedos do seu cão não são tóxicos. Leia os rótulos com muito cuidado e certifique-se de que eles são feitos em países com forte regulamentação de saúde pet. Muitas vezes, ainda que o exterior do brinquedo pareça seguro para o cão ao coloca-lo na boca, o enchimento ou o interior podem conter produtos químicos tóxicos, elevando o risco de asfixia.

- Descarte os brinquedos desgastados: Os brinquedos antigos de cães podem estar repletos de bactérias e fungos, o enchimento pode representar um perigo para a saúde, a limpeza de brinquedos de pelúcia não é tarefa fácil.

O mais importante é lembrar que você é a maior diversão! Apesar dos brinquedos serem úteis e ajudarem com a sua ausência ou na educação do seu cachorro, brincar com ele é o mais importante. Além de incentivá-lo com mais eficiência, a brincadeira em conjunto estimula a harmonia na convivência, propicia melhores exercícios físicos e, é claro, estabelece uma relação mais saudável e amorosa entre vocês.


 

Categorias
Tags
Últimos posts



<< voltar